Perfil da atriz e cantora mexicana Anahí 15

AnahiAnahí Giovanna Puente Portilla (Cidade do México, 14 de maio de 1983) mais conhecida como Anahí é uma cantora, dançarina e atriz mexicana.

  • Biografia

Iniciou sua carreira aos dois anos de idade na série “Chiquilladas” da Televisa, mais somente atingiu um público mais amplo com o seu papel como “Mia Colucci” em 2004 na telenovela Rebelde.

Como cantora Anahí lançou cinco álbuns de estúdio, alem de ter feito parte do sexteto RBD.

Anahí nasceu na Cidade do México, México, Seu pais são Marichelo Portilla e Enrique Puente, é a mais nova de três irmãs Marichelo que também é atriz e Diana Puente.

Aos dois anos de idade foi convidada a participar do seriado infantil Chiquilladas e permaneceu no seriado de 1985 a 1992. Foi garota propaganda de uma marca de refrigerante muito conhecida.

Em 1990, Anahí começou a ter papéis pequenos em novelas de grandes reconhecimentos como Alondra e Tu y yo entre outras, seu papel de maior destaque até então foi em El diario de Daniela interpretando a antagonista Adélia Monroy e também foi protagonista do filme Inesperado Amor.

Em 2000 terminou os estudos e optou em formasse em Estilista de moda.

Em 2001, Anahí cancela todos seus trabalhos e passa por um rigoroso tratamento, pois a mesma sofria de anorexia e bulimia, atualmente Anahí encontrasse bem e tem uma fundação que ajuda jovem de todo o México chamada “AnayMía”.

Em 2003, após todas as complicações passadas nos anos anteriores Anahí volta à televisão agora como antagonista na telenovela Clase 406, no mesmo período se exibia no Brasil a novela Primer amor… a mil por hora e por diversas vezes Anahí fazia entrevistas para programas doSBT.].

Anahí colocou silicone nesse mesmo ano, assunto que virou motivo de fofoca em vários canais de televisão e revistas de fofocas.

No ano seguinte Anahí opera a garganta, pois havia possibilidades dela perder a voz ao decorrer dos anos.

Em 2006 enquanto o RBD participava de uma coletiva de autografo em São Paulo “mal organizada” resultou na morte de três jovens e quarenta feridos, pois o local que suportava somente 3 mil pessoas teve presente mais de 10 mil pessoas.

Em 2009 Anahí é vista em várias fotos com um empresario em momentos muito “românticos” mais a mesma assumiu que ele é um grande amigo.

  • Atuando

Anahí iniciou sua carreira ainda muito cedo atuando no programa televisivo Chiquilladas aonde permaneceu durante alguns anos. Sua primeira atuação no cinema foi no filme Había una vez una estrella.

Logo em seguida vieram papeis como Claudia em “Angeles sin paraiso” (1992) e Margarida em “Alondra” (1995). No mesmo período também atuou no curta-metragem “El ganador” (1993).

Em 1996 fez uma participação especial na novela “Tu y yo”, na época Anahí tinha 13 anos e interpretou uma menina de 17 anos.

Porém foi em 1998 que Anahí ganhou maior destaque em telenovelas atuando em Vivo por Elena aonde fez Talita Medeiros, seu papel tinha um destaque maior na trama diferente de seus trabalhos passados.

No mesmo ano fez seu primeiro papel antagonista na novela El diario de Daniela aonde interpretava “Adélia”.

Em 1999 Anahí foi a protagonista do filme Inesperado Amor, no filme Anahí aparece mais adulta, diferente dos outros trabalhos, onde esta mais criança.

O filme se torna recorde de público naquele ano.

No final do ano Anahí dá vida à Jessica Duarte em Mujeres engañadas, ao decorrer da trama Anahí vira a protagonista.

Graça a sua boa atuação em Mujeres engañadas Anahí ganha seu primeiro protagonico televisivo em Primer amor… a mil por hora interpretando Giovana Luna, Anahí também esteve na trilha sonora da novela e passou a participar frequentemente das turnês realizadas junto do elenco, com o objetivo de divulgar a novela e seu novo trabalho discográfico Baby Blue.

Chegando ao fim da novela Anahí fica muito fraca, e passa por um rigoroso tratamento chamado anorexia, hoje em dia Anahí se encontra recuperada e a mesma tem uma fundação chamada “AnayMia” que ajuda jovens e adultos que sofrem desses transtornos.

Após dois anos de tratamento Anahí volta às telinhas agora na novela Clase 406 interpretando a antagonista Jessica.

Em 2004 Anahí é chamada para protagonizar a série teen Rebelde aonde encarnou o personagem Mía Colucci, de dentro da novela saia à banda RBD, que era integrada pelos protagonistas da série.

Chegando ao fim da novela vieram outros trabalhos pequenos como Lola…Érase una vez! e Skimo.

Em 2007 esteve no seriado RBD: La Familia aonde fazia Annie, a personagem tinha suas próprias característica.

  • 2004-2009: RBD

De 2004 até 2009, Anahí esteve no grupo musical RBD junto com Dulce María, Alfonso Herrera, Christopher Uckermann, Maite Perroni e Christian Chávez, a banda nasceu dentro da série teen Rebelde e conquistou metade do mundo, tendo mais 6 de álbuns de estúdio lançados e mais 50 milhões de cópias de seus álbuns vendidos.

No dia 15 de agosto de 2008, o RBD comunicou oficialmente o início de uma turnê de despedida, pelo fim do grupo.

A turnê foi concluída em Madri, Espanha, no dia 21 de dezembro do mesmo ano.

  • Discografia Solo

EP (Álbum de Demonstração)

* 1993: Anahí

Álbuns De Estúdio

* 1996: ¿Hoy Es Mañana?
* 1997: Anclado En Mi Corazón
* 2000: Baby Blue
* 2009: Mi Delirio

Coletâneas

* 2006: Una Rebelde en Solitario
* 2007: Antes De Ser Rebelde

VHS-DVD Ao Vivo

* 1997: Anahí Concierto Anclado En Mi Corazón 97
* 2010: TBA

  • Videografia

* 1996: Corazón De Bombón
* 2000: Primer Amor
* 2000: Súperenamorandome
* 2001: Tu Amor Cayó Del Cielo
* 2009: Mi Delirio

Singles

* 1993: Te Doy Un Besito
* 1996: Corazón De Bombón
* 1996: Descontrolándote
* 1997: Anclado En Mi Corazón
* 1997: Salsa Reggae
* 2000: Primer Amor
* 2000: Súperenamorandome
* 2001: Tu Amor Cayó Del Cielo
* 2006: Desesperadamente Sola
* 2008: Breathe (Promocional Single)
* 2009: Mi Delirio
* 2009: Quiero (Apenas na Espanha)
* 2010: Me Hipnotizas

  • Turnês

* 1997: Anahí Concierto 97
* 2000: Tour Baby Blue (Turnê interrompida pelo caso de Anahí estar com anorexia)
* 2009: El Universo Conspira: Pocket Show
* 2009-2010: Mi Delirio Word Tour

FacebookTwitterGoogle+Share